O AMOR É SOFREDOR, É BENIGNO; O AMOR NÃO É INVEJOSO; O AMOR NÃO TRATA COM LEVIANDADE, NÃO SE ENSOBERBECE.
NÃO SE PORTA COM INDECÊNCIA, NÃO BUSCA SEUS INTERESSES, NÃO SE IRRITA, NÃO SUSPEITA DO MAL;
NÃO FOLGA COM A INJUSTIÇA, MAS FOLGA COM A VERDADE; TUDO SOFRE, TUDO CRÊ, TUDO ESPERA, TUDO SUPORTA. MAS, O AMOR JAMAIS ACABA I COR. 13. 4,5,6,7 ,8a.

sexta-feira, 28 de junho de 2013